Perigo embutido

Mediante o crescente número de pacientes hipertensos, quero aproveitar o espaço para fazer um alerta, ao exagerado e perigoso consumo de sal – De acordo com a Organização Mundial de Saúde – OMS, o consumo individual não deve exceder a 5g diários, contra os quase 12g per capita consumidos hoje pela população brasileira.

Além de ser o maior responsável pela elevação da pressão arterial, o consumo de sal leva também à retenção de líquidos. Conseqüentemente ao aumento de peso.

A população precisa aprender a ler rótulos, pois em cada produto industrializado encontrado nas prateleiras do supermercado, o Sódio é um dos maiores conservantes responsável pelo aumento de vida de prateleira do alimento.

Poucas pessoas têm noção dos riscos ligados à dieta, e cometem suicídio lento, entre garfadas.

Moderação é a melhor fórmula. O consenso entre cardiologistas e nefrologistas é de que devemos “consumir” menos sal por dia. Devemos reduzir o sódio dos produtos industrializados, isto é, evitar fazer destes alimentos nossa única fonte nutricional. Desta forma, reduziremos quase 25% de todo sódio ingerido, e o que é melhor deixamos de ingerir muitas calorias.

DÊ UMA OLHADA NA LISTA DE ALIMENTOS CHEIOS DE SAL
CONSERVAS;
AZEITONAS;
BACON;
PRESUNTO;
SALSICHAS;
LINGÜIÇA DE PORCO;
BATATA FRITA.
MOLHO DE SOJA (SHOYU) OU INGLÊS;
ENLATADOS;
BACALHAU SECO;
CHARQUE;
CAVIAR;
CASTANHA DE CAJU;
CHOCOLATE;
MOSTARDA;
AMENDOIM;
SALMÃO;
SOPAS PRONTAS;
CATCHUP;
PURÊ DE TOMATE;
MELADO;
ÁGUA MINERAL, ALGUMAS CHEGAM A TER ATÉ 400mg DE SÓDIO;
COM PROTEÍNA ANIMAL, COMO LEITE, QUEIJOS, OVOS, CARNES, AVES E PEIXES TAMBÉM POSSUEM BONS TEORES DESSA SUBSTÂNCIA. PORTANTO, NÃO PRECISAM SER EXCESSIVAMENTE SALGADOS NA HORA DO TEMPERO.
CERTOS COMPOSTOS DE SÓDIO SÃO ENCONTRADOS AINDA EM PRODUTOS COMO FERMENTOS EM PÓ;
GLUTAMATO MONOSSÓDICO (AQUELE QUE PROMETE ACENTUAR O SABOR DOS ALIMENTOS);
ALGINATO DE SÓDIO, PRESENTE EM SORVETES E ACHOCOLATADOS.

O Potássio trabalha em dobradinha com o sódio do sal. Os dois mantêm o equilíbrio dos vasos. Outra tarefa da dupla é manter sob controle o volume de líquido do organismo, como o da circulação sanguínea. “Se o sódio pode aumentar a quantidade de líquido circulante, o potássio atua em sentido contrário. Ele puxa a água para dentro das células. Com isso o volume sanguíneo diminui”. Obs.: Aumentar o consumo de alimentos ricos em potássio (folhas verdes escuras) e regular o consumo de cálcio.

Um passo importante para reduzir o sal da nossa alimentação é a substituição do sal de cozinha por temperos naturais. A seguir trazemos receitas que ajudarão você a reduzir o sal de cozinha das suas preparações de maneira saborosa:

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário